Protásio Alves

Cemitério Público Municipal e Capela

Ao chegarem em Protásio Alves, em 1892, os colonos imigrantes italianos primeiro construíram suas casinhas, depois abriram estradas para se comunicar e, o passo seguinte, era construir a Igreja e o cemitério.

De acordo com o Livro Tombro Nº 1, págs. 3 e 4, os cemitérios e capelas foram construídos na seguinte ordem:

1º Linha 3ª - Cemitério e Capela N.S. da Saúde(Barra);

2º Linha 5ª - Cemitério e Capela Santo Antônio de Pádua;

3° Linha 6ª - Cemitério e Capela N.S Monte Bérico; Cemitério e Capela de São Paulo (Primavera) e Cemitério e Capela N.S Caravaggio;

4º Linha 7ª - Capela de São Vitor;

5º Linha 8ª - Cemitério e Capela N.S. do Rosário (hoje igreja matriz)

 

A primeira Missa no cemitério da Linha 8ª (próximo ao atual Pórtico do Muicípio), foi rezada pelo Pe. Colbacchini em 02/11/1896 - nesta visita foi escolhido o lugar para a construção da futura matriz.

6ª - Linha 4ª Cemitério e Capela N. S. Graças;

7ª - Linha 10ª Cemitério e Capela São João Batista;

8º - Linha 11 - Cemitério e Capela Santa Líbera, Capela Sagrado Coração de Jesus e Cemitério e Capela São Bráz.

 

Em 02/11/1912, o Pe. Antônio Serraglia abençoou o novo Cemitério Paroquial de N.S. do Rosário, recém construído neste local onde se encontra hoje o Cemitério Público Municipal de Protásio Alves, e celebrou missa no mesmo. O Pe. Aneto Bogni sucedeu o Pe. Antônio Serraglia e, em 1944, construiu a Capelinha Central do cemitério.

O cemitério ficou sob a resposnabilidade da Paróquia até o ano de 1993 quando, através da Lei Municipal267/1993, foi doado ao Município para que o mesmo faça a administração, manutenção e cuidados necessários.

Hoje, a Capela do Cemitério Público Municiapal abriga os restos mortais do Pe. Antônio Serraglia em túmulo na entrada da mesma. Com arquitetura simples, no estilo neoclásico, a capela possui em seu interior vitrais com imagens religiosas.

Neste cemitério repousa também Vicenzo Zecca, irmão carlista, sacristão italiano de Ripa D'Oglio - Cremona. Nascido em 1844 e falecido em 1923 seus restos mortais estão no túmulo original, virado em sentido sul/norte, como era o primeiro cemitério.

Obs: Entre 1892 e 1896 não havia padres em Protásio Alves, mas havia em cada Capela(Linha) uma pessoas designada, que dominicalmente ou em dia de preceito exercia na capela a catequese às crianças, cordenava o Rosáriocomunitário, atendia os doentes e enterrava os falecidos.

 

 


Endereço: Rua das Araucárias - Centro - Protásio Alves/RS

Tarifas: Gratuitas

Horários: 24hs

Telefone: (54) 3276-1225

Facebook: https://www.facebook.com/ProtasioAlvesOficial/

Website: https://www.protasioalves.rs.gov.br/

E-mail: turismo@protasioalves.rs.gov.br



Crie sua rota agora mesmo!
Escolha o ponto de partida ou clique no mapa
Como chegar?